1/2

Gre-Nal decisivo pelo Gauchão coloca à prova planejamento do Grêmio para início do ano


O sucesso do planejamento do Grêmio para o início desta temporada passa muito pela semifinal única do primeiro turno do Campeonato Gaúcho. Só que não será qualquer jogo. O Gre-Nal 423, neste sábado, às 16h30, no Beira-Rio, serve de prova do Tricolor para ter mais fôlego até a estreia da Libertadores.

Eliminar o maior rival ganha peso (ainda) maior pela fórmula do estadual. Caso vença o Gre-Nal e, depois, fature o título do primeiro turno, o Tricolor estará automaticamente na grande final, com chance até de "liquidar" o Gauchão no segundo turno. Neste cenário, portanto, a equipe terá menos pressão durante os primeiros jogos da Libertadores.

Afinal, o calendário reserva ao Tricolor sete jogos em março, entre Campeonato Gaúcho e Libertadores, com possibilidade de mais seis compromissos ao longo de abril. Tamanha quantidade de jogos forçará o revezamento de jogadores, muito por conta de questões físicas.

Uma das provas desta valorização gremista a este primeiro turno recai sobre a mudança de planos do próprio clube para as primeiras rodadas do Gauchão. Desde que técnico Renato Gaúcho assumiu o comando, o time iniciou a temporada com preservações aos titulares durante o estadual. O ano de 2020 foi diferente.

Os titulares atuaram em todos os jogos do primeiro turno do Gauchão. Sem exceção. As únicas alterações mudanças foram por lesões, como nos casos de Thaciano e Geromel, ou por questão técnica: Diego Souza na vaga de Patrick.

Um destes "titulares" é David Braz. O zagueiro assumiu a vaga de Geromel e já tem até gol marcado no Gauchão. Apesar de não estar presente nas últimas duas conquistas do Grêmio - ambos campeonatos gaúcho -, o jogador sabe bem o objetivo gremista neste início de ano.

O clássico Gre-Nal 423 ocorre no sábado, no estádio Beira-Rio, a partir das 16h30. Empate leva a decisão para os pênaltis. O vencedor pega Caxias ou Ypiranga.


TROPICAL FM 97.7 - LESS.webmaster