1/2

Chape recebe o Guarani nesta segunda e pode encostar no líder



Chapecoense e Guarani se enfrentam nesta segunda-feira, às 20h, na Arena Condá, pela quinta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. De acordo com o protocolo de segurança da CBF, a partida terá portões fechados.

A Chape estreou com empate por 0 a 0 diante do Oeste, em Barueri, mas depois venceu seus outros dois jogos por 1 a 0, contra Sampaio Corrêa e Cruzeiro. Esse último, o triunfo foi conquistado no Mineirão. Com sete pontos e invicto, o Verdão do Oeste ainda em uma partida atrasada, em razão que o compromisso frente ao CSA, pela segunda rodada, foi adiado pela CBF devido os casos de Covid-19 no elenco alagoano.

Enquanto isso, o Guarani tem apenas três pontos conquistados, com uma vitória (sobre o Botafogo-SP) e três derrotas (CSA, Cruzeiro e o líder Paraná) nas rodadas iniciais. Agora o objetivo é evitar repetir erros comuns nas últimas rodadas para somar pelo menos um ponto em Chapecó e começar a se afastar da parte de baixo da tabela.

CHAPECOENSE

A Chapecoense terá ao menos uma mudança para encarar o Guarani, na Arena Condá. O atacante Lucas Tocantis, com uma lesão na coxa, é desfalque em relação ao time titular do último jogo. A tendência é que Louzer volte a utilizar um meia depois de vencer o Cruzeiro com quatro atacantes.


Escalação: João Ricardo; Matheus Ribeiro, Joílson, Luiz Otávio e Alan Ruschel; Ronei, Willian Oliveira e Vini Locatelli (Anderson Leite); Aylon e Paulinho Moccelin; Ansélmo Ramon;


Quem está fora: Alan Santos, Denner, Fernandinho, Guedes, Hiago, Lucas Tocantins e Moisés Ribeiro (lesionados); Kadu e Thiago Ribeiro (aprimorando a parte física) e Ezequiel (sintomas gripais).


Pendurados: João Ricardo e Luiz Otávio.

GUARANI

Durante a semana, Carpini sinalizou que poderia fazer mudanças na equipe após a derrota para o Paraná. A primeira delas é a entrada de Rafael Pin no lugar do goleiro Jefferson Paulino, que voltou a falhar em uma jogada de bola aérea. Já o setor ofensivo tem a volta de Júnior Todinho, que cumpriu suspensão na última rodada e pode formar o ataque tanto só com Waguininho, como também com Bruno Sávio, caso o técnico opte por um esquema mais ofensivo em Chapecó.


Escalação: Rafael Pin (Jéfferson); Pablo, Wálber, Didi, Bidu e Deivid; Lucas Crispim, Eduardo Person (Bruno Sávio), Gilvanny; Júnior Todinho, Vaguininho


Quem está fora: Bruno Paulo (recuperação física), Arthur Rezende e Lucas Abreu (departamento médico).


Pendurados: Arthur Rezende e Waguininho.

ARBITRAGEM

Ronei Candido Alves apita a partida, auxiliado por Fernanda Nândrea Gomes Antunes e Magno Arantes Lira. O trio é de Minas Gerais.


FONTE: Globoesporte.com

TROPICAL FM 97.7 - LESS.webmaster