1/2

Chapecó: Filha e neto suspeitos de matar idosa


Uma filha (52 anos) e o neto (27 anos) são os principais suspeitos da morte de Orentina da Silva Paye, de 89 anos, encontrada na manhã desta sexta-feira (16), dentro de casa, na rua Minas Gerais, em Chapecó. A informação foi divulgada pelo delegado Vagner Papini.


A senhora apresentava lesões na região do tórax e um ferimento grave no pescoço. Quando a Polícia chegou, havia uma tesoura cravada no pescoço da vítima.


Mãe e filho (filha e neto da senhora) foram autuados em flagrante, no fim da tarde de sexta-feira (16) e encaminhados ao Presídio. De acordo com o delegado Papini, todos os indícios apontam para essa autoria.


A dupla foi flagrada por uma câmera de segurança em frente a residência da vítima. Segundo a Polícia Civil, mãe e filho foram vistos entrando à 0h41 e saindo à 0h47 desta sexta-feira.


Neste intervalo de tempo, a luz foi acesa dentro da casa. Ambos voltaram ao local às 7h30, horário em que a Polícia Militar foi acionada. O interior da residência estava todo revirado.


Papini ressaltou que, pelas imagens, ninguém mais entrou na casa, apenas a filha e o neto da idosa morta.




Fonte/foto: PCSC/Rádio Chapecó