1/2

Com dúvida na escalação, Brasil estreia nas Eliminatórias


A busca por uma vaga na Copa do Mundo do Catar em 2022 começa na noite desta sexta-feira para Brasil e Bolívia. As seleções se enfrentam às 21h30, na Neo Química Arena, em São Paulo, em duelo válido pela primeira rodada das Eliminatórias.


O jogo deveria ter acontecido em março, mas foi adiado por conta da pandemia do novo coronavírus. Também por esse motivo a partida será realizada sem público.

Este será o primeiro encontro entre as seleções desde a estreia na Copa América do ano passado. Na ocasião, em partida disputada no Morumbi, o Brasil venceu por 3 a 0. No retrospecto, a Seleção tem ampla vantagem: em 30 jogos, foram 21 vitórias, quatro empates e cinco derrotas, aproveitamento de 74%.

Transmissão: a Globo exibe a partida com narração de Luís Roberto e comentários de Júnior e Roger Flores. Já o SporTV transmite com narração de Luiz Carlos Júnior e comentários de Lédio Carmona e Muricy Ramalho.


Prováveis escalações


BRASIL: Ederson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Casemiro e Douglas Luiz; Everton, Philippe Coutinho e Neymar (Everton Ribeiro); Roberto Firmino. Técnico: Tite.


BOLÍVIA: Lampe; Jesús Sagredo, Carrasco, Valverde e José Sagredo; Carlos Áñez, Raúl Castro, Diego Wayar, Erwin Sánchez e Jhasmani Campos (Rudy Cardozo); Carlos Saucedo. Técnico: César Farias.


Arbitragem: Leodan González, auxiliado por Nicolas Taran e Richard Trinidad. VAR: Esteban Ostoich (quarteto uruguaio).


Como chegam


Brasil


O Brasil inicia sua caminhada por uma vaga à Copa do Mundo de 2022 contra o mesmo adversário em que estreou na campanha do título da Copa América do ano passado. Em junho de 2019, no Morumbi, a Seleção Brasileira venceu os bolivianos por 3 a 0, com gols de Philippe Coutinho (duas vezes) e Everton.


Mais de um ano depois, Cebolinha continua como titular da equipe, mesmo com o retorno de Neymar. Porém, Tite promoverá mudanças significativas na equipe, a começar pelo gol, em que o ex-colorado Alisson teve de ser cortado por conta de uma lesão no ombro. No meio-campo, Douglas Luiz ganha a vaga do ex-gremista Arthur, que não foi convocado.


Bolívia


Participante de apenas três Mundiais, o último em 1994, nos Estados Unidos, a Bolívia tentará ao menos melhorar sua classificação — nas últimas Eliminatórias, terminou como penúltima colocada.


Dos convocados para este início de competição, quatro atletas sequer viajaram para São Paulo e ficaram em La Paz treinando separadamente para encarar a Argentina, pela segunda rodada. Entre eles está Marcelo Moreno, ex-centroavante do Grêmio e que hoje defende o Cruzeiro.


Fonte: gauchazh.clicrbs.com.br

Foto: Arte GZH

TROPICAL FM 97.7 - LESS.webmaster