1/2

Corinthians pede a FPF, CBF e Globo para não jogar mais aos domingos e à noite


O Corinthians comunicou à Federação Paulista de Futebol, à CBF e à Rede Globo de que não deseja mais jogar aos domingos e também à noite. A medida visa evitar eventuais processos trabalhistas.


A decisão do clube acontece dias após o volante Maicon ganhar ação do São Paulo na Justiça devido à falta de pagamento de adicionais noturnos e atividades realizadas aos domingos e feriados no período em que defendeu o time paulista (de 2012 a 2015).


Recentemente, o Corinthians também foi processado pelo ex-zagueiro Paulo André com alegações parecidas. Ele retirou a ação e entrou em acordo com o Timão.

O presidente do Corinthians, Andrés Sanchez, deseja iniciar um movimento de união dos clubes para evitar que seja aberto precedente para ações deste tipo virarem recorrentes.


Na última terça-feira, em uma "live" com o ex-jogador e comentarista da TV Globo Walter Casagrande Júnior, o presidente Andrés Sanchez comentou o assunto:


– Você joga no domingo à tarde e é obrigado a ter 24 horas de descanso, mas você tem jogo na quarta-feira seguinte. Aí na segunda você precisa fazer o (treino) regenerativo, e o jogador vai na Justiça reclamar – disse Andrés


– Tem mais de 100 jogadores reclamando isso, faz tempo. Só que você ia recorrendo, chegava no TST (Tribunal Superior do Trabalho), a partir de 2011 você ganha. Mas leva quatro, cinco anos para isso, é um passivo do clube, que tem que pagar advogado também – afirmou o presidente corintiano.


FONTE: Globoesporte.com

FOTO: Marcos Ribolli

TROPICAL FM 97.7 - 2020 - LESS.webmaster