1/2

Crespo ganha força para ser o novo técnico do São Paulo


Na lista de três treinadores que o São Paulo tem como alvos para o comando do time, o português Pedro Martins afastou a possibilidade de trocar o Olympiacos, da Grécia, pelo Brasil. Em entrevista a um canal no YouTube, o técnico afirmou que projeta atuar na Inglaterra como plano de carreira.


A declaração aproxima ainda mais o argentino Hernán Crespo do São Paulo – ele se demitiu do Defensa y Justicia e está livre. Além desses dois, a lista tricolor tem Miguel Ángel Ramírez, mas o espanhol tem um pré-contrato com o Internacional e é improvável que esse acordo seja rompido.


Martins tem contrato com o Olympiacos até maio, outra barreira na negociação com o São Paulo, que pretende contratar um treinador que já possa assumir o time na reta final do Brasileiro, com olhos para o início da próxima temporada, em fevereiro.


Assim, a opção mais factível para o São Paulo é Crespo. O argentino admitiu na última segunda contatos com o clube, além do Santos e da seleção do Chile, mas afirmou ainda não ter definido o futuro.


O Santos, porém, trata Crespo como um alvo impossível por causa dos valores envolvidos: cerca de R$ 1 milhão por mês para ele a comissão técnica. O São Paulo negocia em patamar semelhante.


No Morumbi, a ordem é frear as negociações com treinadores para que as atenções estejam no jogo desta quarta-feira, contra o Ceará, no Morumbi, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.


O time será comandado pelo interino Marcos Vizolli. A partida é vista como a última chance de recolocar o time na disputa pelo título. Atualmente, o São Paulo é o quarto colocado, com 58 pontos, oito atrás do Internacional e com 15 ainda em disputa no torneio.



FONTE: Globoesporte.com

FOTO: Getty

TROPICAL FM 97.7 - LESS.webmaster