1/2

D'Alessandro abre possibilidade de encerrar carreira e se emociona: "É meu último ano"


A decisão é tão difícil que D'Alessandro até mesmo tem dificuldade em abordá-la. Mas tudo indica que o ídolo colorado encerrará a carreira ao fim da temporada atual. O meia do Inter deu a declaração emocionada em entrevista coletiva virtual divulgada pelo canal do clube no YouTube.

"É meu último ano. Sinceramente, não sei o que vai acontecer" (D'Alessandro)


Perguntado se este seria o último ano com a camisa do Inter, o argentino abordou o momento "complicado" sem sair de casa por quase 60 dias durante o período de quarentena em Porto Alegre. Neste período, a decisão povoou sua mente em situações mais solitárias e se emocionou:


- Não que eu cheguei a pensar, mas nos dois primeiros meses que a gente ficou em casa, muitas vezes à noite aparece aquela coisa de quando vamos voltar a treinar normal, quando vamos voltar a jogar. Aquele pensamento de quando vou parar, se vai ser no final do ano, se vai ser do jeito que eu quero, do jeito que imagino. Se vai ser o vírus que vai diminuir esse tempo. Às vezes a gente fica abatido, e eu fiquei, em casa. Muitas vezes apareceu de repente uma lágrima, porque a gente não sabe o que vai acontecer. É meu último ano. Sinceramente, não sei o que vai acontecer - disse D'Ale, com a voz embargada.


Durante 50 minutos de entrevistas, D'Alessandro abordou a volta dos treinos e jogos no Brasil e também na Argentina, citou o Ministério da Saúde como balizador dos protocolos adotados durante a pandemia do coronavírus e comentou a redução de salários no grupo de jogadores.

Mas prosseguiu no assunto da aposentadoria e da renovação de contrato. Ele tem vínculo com o Colorado até o fim do ano e teria de entrar em acordo com a direção para adentrar 2021 com partidas válidas por campeonatos deste ano. E não deixou claro qual será seu futuro.


- Já tivemos conversas e ficou muito clara a ideia da diretoria. Mas como no ano passado, não vou falar em apressar, não tem a ver com vontade, sentimento, querer ficar ou não. Tem a ver com o tempo, com a minha cabeça, o meu respeito perante o clube. Podemos ter novidades no curto prazo, mas não vou apressar o tempo - acrescentou D'Ale.


Enquanto pensa no que fará da carreira após a retomada do futebol, D'Alessandro segue a rotina de treinamentos físicos no CT do Parque Gigante junto ao grupo. A prefeitura de Porto Alegre ainda não liberou as atividades coletivas, com contato entre os atletas. O Gauchão tem previsão de retorno no mês de julho.


FONTE: Globoesporte.com

TROPICAL FM 97.7 - LESS.webmaster