1/2

Duelo entre invencibilidade e liderança; confira as escalações!



Em jogo válido pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, Palmeiras e Internacional se enfrentam às 21h30 (de Brasília) desta quarta-feira, na arena palmeirense.


Depois de duas vitórias seguidas, o Palmeiras poderia ter iniciado a semana na terceira colocação, mas deixou escapar nos acréscimos a vitória sobre o Bahia, em Salvador.

Agora, em sexto lugar, com nove pontos ganhos (em cinco partidas), o time de Vanderlei Luxemburgo tenta evitar que o líder da competição se desgarre no topo da classificação.


O Inter de Eduardo Coudet vive sua melhor arrancada no Brasileirão desde 1979, ano da conquista do tricampeonato invicto. São cinco vitórias e uma derrota em seis jogos.

A equipe soma 15 pontos e tenta manter a liderança isolada do Nacional. A missão envolve derrubar a invencibilidade do Palmeiras e chegar à maior sequência de vitórias no ano: atualmente, são três.

PALMEIRAS

Diante do Bahia, o time não rendeu como no clássico contra o Santos. O gol só saiu depois que Luxemburgo fez as cinco substituições, do meio do segundo tempo para frente.


Mesmo assim, o treinador tem tentado dar sequência a uma base de time titular. Até mesmo para o atacante Rony, que ainda não convenceu com a camisa alviverde. Mas uma possibilidade é montar a dupla de ataque com Willian e Luiz Adriano.


Escalação: Weverton; Viña (Diogo Barbosa), Gustavo Gómez, Luan e Mayke; Patrick de Paula, Bruno Henrique, Gabriel Menino e Lucas Lima; Rony (Willian) e Luiz Adriano;


Quem está fora: Marcos Rocha (lesão muscular), Raphael Veiga (trauma no pé), Luan Silva (cirurgia no joelho), Felipe Melo (transição física) e Gabriel Veron (transição física).


Pendurados: Luan


INTER

O líder do campeonato convive com a escassez de peças para o ataque. E com uma indefinição na posição. Coudet mantém a dúvida entre D'Alessandro e Marcos Guilherme para formar dupla com Thiago Galhardo, artilheiro do Brasileirão.


O técnico tem outras três baixas confirmadas: Lindoso testou positivo para Covid-19 e foi afastado, enquanto Zé Gabriel, com desgaste muscular, será poupado. Musto seria o principal candidato para a vaga no meio, mas o argentino também ficou em Porto Alegre, com "indisposição".


Além do trio, Coudet deve preservar Edenilson e Boschilia, ao menos para iniciar a partida e promover as entradas dos garotos Johnny e Praxedes na equipe. Na zaga, Rodrigo Moledo ocupa sua posição naturalmente.


Escalação: Marcelo Lomba; Moisés, Cuesta, Moledo e Saravia; Johnny, Patrick, Praxedes (Boschilia), Marcos Guilherme (Edenilson); Thiago Galhardo e D'Alessandro (Marcos Guilherme).


Quem está fora: Rodrigo Lindoso, Lucas Ribeiro e João Peglow (positivos para Covid-19); Rodrigo Dourado e Uendel (transição física); William Pottker e Yuri Alberto (lesões musculares); Guerrero (recuperação de cirurgia no joelho direito); Abel Hernández (ainda não foi inscrito); Zé Gabriel (desgaste muscular); Musto (indisposição).


Pendurado: Edenílson.

ARBITRAGEM

Árbitro: Wilton Pereira Sampaio

Árbitro assistente 1: Bruno Raphael Pires

Árbitro assistente 2: Leone Carvalho Rocha

Quarto árbitro: Salim Fende Chavez


VAR: Elmo Alves Resende Cunha

Assistente do VAR 1: Jefferson Ferreira de Moraes

Assistente do VAR 2: Edson Antônio de Sousa


FONTE: Globoesporte.com

TROPICAL FM 97.7 - 2020 - LESS.webmaster