1/2

Governador do RS libera treinos físicos para clubes em cidades com bandeira vermelha


O governador Eduardo Leite atualizou, na noite desta segunda-feira, o decreto estadual de distanciamento controlado no Rio Grande do Sul. A partir de agora, todos os clubes em cidades com "bandeira vermelha" poderão fazer trabalhos físicos individualizados, como vinha sendo as atividades de Grêmio, Internacional e São José em Porto Alegre.


A capital gaúcha passou para uma região de "risco alto" para o contágio do novo coronavírus na atualização da última sexta. Em uma revisão do governo, foi aberta a possibilidade de clubes esportivos funcionarem do mesmo jeito que em bandeira laranja, quando o risco é considerado médio. Assim, os clubes poderão manter suas rotinas já seguidas até então.


O protocolo prevê uma pessoa a cada 16m². Portanto, os clubes podem manter atividades em grupos reduzidos, desde que sem contato físico. Um campo de futebol com medidas normais, de 105m por 68m, por exemplo, tem área de 7.140m²


As únicas regiões no mapa feito pelo governo gaúcho com bandeira vermelha são Porto Alegre, Novo Hamburgo, Canoas e Capão da Canoa. Além da dupla Gre-Nal e São José, a medida atinge também Novo Hamburgo e Aimoré, duas equipes do Gauchão que ainda não tinham retomado as atividades.


Assim, ajuda também na possível retomada da competição, embora ainda sem data. Nesta semana, o comitê de crise do governo estadual deve se manifestar sobre o protocolo apresentado pela Federação Gaúcha de Futebol.


FONTE: Globoesporte.com

TROPICAL FM 97.7 - LESS.webmaster