1/2

Grêmio admite lateral próximo, mas rechaça investida por Cavani


Em busca de reforços, o Grêmio está próximo do anúncio de Diogo Barbosa. A direção, embora evite confirmar o nome, admite que o lateral-esquerdo pretendido será oficializado em um futuro próximo. Por outro lado, assim como já tinha sido citado na última sexta-feira, Edinson Cavani não atuará na Arena.

Para sair da fase turbulenta que enfrenta, com apenas uma vitória em sete jogos no Campeonato Brasileiro, o Tricolor vasculha o mercado por novas peças a Renato Portaluppi. Ainda na última quinta, o vice de futebol Paulo Luz garantiu que o Grêmio contrataria um jogador de repercussão.


A declaração, claro, alimentou a expectativa da torcida. No dia seguinte, horas depois do presidente Romildo Bolzan Júnior decidir rescindir com Thiago Neves, a Rádio Continental, da Argentina, noticiou que Cavani estava acertado com o clube gaúcho. Prontamente, a cúpula negou.


O irmão e empresário do jogador, Walter Guglielmone, também comentou sobre a situação. Ele foi taxativo ao afirmar que não houve discussão e que a ideia de Cavani, que deixou o PSG, é permanecer na Europa.


Paulo Luz, na conferência após o empate em 1 a 1 com o Atlético-GO, também foi interpelado sobre o tema. Manteve a postura e refutou qualquer esperança que os tricolores ainda podiam ter sobre o uruguaio. Já sobre Diogo Barbosa, não citou seu nome, mas reconheceu que falta pouco para a oficialização.


Enquanto trabalha por novas peças, o Grêmio patina no Brasileirão. A equipe soma oito pontos e está em 14º lugar. Na próxima rodada, o time de Renato Portaluppi enfrenta o Bahia. A partida, válida pela nona rodada, será disputada nesta quinta-feira, às 19h15, no Pituaçu.


FONTE: Globoesporte.com

FOTO: UEFA via Getty Images

TROPICAL FM 97.7 - LESS.webmaster