1/2

Torcedores invadem treino do Figueirense e atiram rojões no elenco


O estádio Orlando Scarpelli foi invadido na tarde deste sábado, por volta das 15h, por cerca de 40 torcedores do Figueirense com identificações da principal torcida organizada do clube. Há relato de que jogadores foram agredidos e, inclusive, cogitam pedir dispensa.


No momento da invasão, 34 jogadores estavam treinando. A assessoria de imprensa do Figueirense informou que houve feridos leves (sem dizer se foi jogador ou funcionário), mas que os mesmos foram tratados pelo departamento médico do clube. Pelo menos cinco atletas sofreram danos físicos, sendo um deles com corte no supercílio.


O Figueirense emitiu nota oficial onde "repudia de forma veemente os lamentáveis fatos ocorridos" e afirma que "resultados esportivos ou problemas administrativos de qualquer natureza, não justificam qualquer tipo de atitude que ameace a integridade física dos atletas e profissionais de comissão técnica".


A diretoria do clube se reuniu para alinhar quais providências jurídicas serão encaminhadas. O Boletim de Ocorrência foi registrado no início da noite.


A invasão ocorreu após torcedores derrubarem portão 8 do estádio. Na chegada ao gramado, eles soltaram rojões em direção aos jogadores que realizavam o trabalho regenerativo sob o comando do técnico Elano, um dia após a derrota por 1 a 0 para o Paraná, pela Série B do Brasileiro. O treinador, através de sua assessoria de imprensa, disse que "prefere não se manifestar sobre o ocorrido".


FONTE: Globoesporte.com

FOTO: Marcelo Siqueira / NSC TV

TROPICAL FM 97.7 - LESS.webmaster