TROPICAL FM 97.7 - 2019

Desenvolvido e Gerenciado por Eduardo Sant'Ana

1/2

Tudo sobre Grêmio e Athético em jogo de ida da Copa do Brasil

Grêmio e Athletico se enfrentam na noite desta quarta-feira, na Arena do clube gaúcho, em Porto Alegre, pelo confronto de ida da semifinal da Copa do Brasil. A partida inicia às 21h30.

 

Maior semifinalista do torneio nacional, o Grêmio luta pelo hexacampeonato – só está atrás do Cruzeiro, com seis, em número de títulos. Para isso, conta com a experiência do técnico Renato Gaúcho. O treinador, aliás, já ergueu a taça em 2016, quando iniciou uma trilha vitoriosa pelo Tricolor, com títulos da Libertadores (2017), Recopa (2018) e do Gauchão (2018 e 2019).

 

Já o Furacão busca o título da Copa do Brasil pela primeira vez. Em 2013, bateu na trave: perdeu a decisão para o Flamengo. Sob comando do técnico Tiago Nunes, vive um dos melhores momentos da história do clube. Ele levou os aspirantes ao título do Paranaense em 2018 e, na sequência, comandou o time principal na conquista da Sul-Americana – levantou também a J. League/Conmebol no Japão este ano.

 

Grêmio - técnico: Renato Gaúcho

 

Após poupar os titulares na derrota contra o Flamengo, pelo Brasileirão, Renato conta com força máxima para o confronto desta quarta-feira, na Arena. O técnico tem basicamente uma dúvida na equipe, em relação a quem será o centroavante. A tendência é de que André siga como comandante do ataque, mas cada vez mais vê a titularidade sob risco. Diego Tardelli é a opção.

 

GRÊMIO: Paulo Victor; Leonardo, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon, Matheus Henrique, Alisson, Jean Pyerre e Everton; André Técnico: Renato Gaúcho.

 

Quem está fora: Marcelo Oliveira, Felipe Vizeu e Michel (lesionados).

 

Pendurados: Maicon, Matheus Henrique e Everton.

 

Athletico - técnico: Tiago Nunes

 

O Athletico promove a volta dos titulares, poupados na derrota para o Botafogo, pelo Brasileirão. A única mudança em relação à vitória sobre o Shonan Bellmare, no Japão, pela J. League/Conmebol, será na zaga. Pedro Henrique não pode jogar por já ter defendido o Corinthians na Copa do Brasil deste ano. Com isso, o jovem Lucas Halter ganha nova chance entre os 11 – o zagueiro de 19 anos será o jogador mais novo em campo na semifinal. Além dessa mudança, Tiago Nunes tem uma dúvida. Bruno Nazário, Nikão e Marcelo Cirino disputam duas vagas no setor ofensivo.

 

ATHLETICO: Santos; Jonathan, Lucas Halter, Léo Pereira e Márcio Azevedo; Wellington, Bruno Guimarães, Bruno Nazário (Nikão), Marcelo Cirino e Rony; Marco Ruben Técnico: Tiago Nunes.

 

Quem está fora: O zagueiro Pedro Henrique e os laterais-esquerdo Abner Vinícius e Adriano não estão inscritos na Copa do Brasil; o zagueiro Thiago Heleno e o volante Camacho ainda aguardam o resultado do julgamento pelo caso de doping.

 

Pendurados: Léo Pereira e Lucho González.

 

Arbitragem: Marcelo Henrique de Lima (RJ) apita a partida, auxiliado por Alessandro Alvaro Rocha de Matos (Fifa/BA) e Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (Fifa/RJ). O quarto árbitro será Vinicius Gonçalves Dias Araujo. No VAR, o árbitro de vídeo será Rodrigo Nunes de Sá.

    Please reload