TROPICAL FM 97.7 - 2019

Desenvolvido e Gerenciado por Eduardo Sant'Ana

1/2

Comportas de usina Foz do Chapecó são fechadas para auxiliar buscas a universitário

 

Vinte e cinco pessoas estão empenhadas nas buscas ao estudante que caiu nas águas do Rio Uruguai. Andrei Franchini, 19 anos, de Vista Gaúcha (RS), segue desaparecido após o barco em que fazia a travessia do Rio Uruguai ter naufragado na noite de quarta-feira (6).

 

 

Muitas pessoas estavam na embarcação e 13 conseguiram sair da água nadando ou com ajuda de outras embarcações. A polícia do Rio Grande do Sul investiga o caso.

 

Segundo o capitão dos Bombeiros, Diogo Battaglin, que comanda a operação em Itapiranga, as buscas nesta sexta-feira (8) iniciaram às 5h. São 25 profissionais dos Bombeiros e da Marinha do Brasil, vindos de Porto Alegre (RS) e Florianópolis (SC). Quatro embarcações estão na água. Nesta quinta-feira (7) o capitão solicitou o fechamento parcial de comportas da Usina da Foz do Rio Chapecó, em São Carlos. Meta é reduzir o nível do Rio Uruguai, em Itapiranga, em até dois metros, possibilitando mais visibilidade.

 

Durante a madrugada, o nível de água começou a baixar e já reduziu em 25 centímetros. A medida será adotada por 10 horas e deve atingir o menor nível por volta das 16 horas. O capitão Battaglin informa que a embarcação que naufragou ainda não foi localizada.

 

Também nesta quinta-feira, moradores ribeirinhos enviaram fotos do leito do Rio Uruguai na região de São Carlos, Águas de Chapecó e Palmitos, denunciando algas e a água com tom alterado para algumas lideranças. As fotos foram repassadas a reportagem da Tropical FM, confira. 

 

 

 

 

 

 

 

 

 Até então não houve nenhum manifestação da Foz do Chapecó Energia em função desta situação.

 

Please reload

RESTAURANTE_GALPÃO.jpg